Tristeza

Que situação a nossa… entre o dia 7 e 8 de novembro tivemos nosso apartamento arrombado/invadido. Graças a Deus não estávamos em casa, mais reviraram tudo. Tivemos poucos prejuízos, em relação ao que sentimos falta até agora, como não estamos conseguindo ficar lá por muito tempo ainda não demos falta de muitas coisas. Levaram apenas coisas pequenas, tv, celular e dinheiro. De cara nota-se que estavam em busca de coisas específicas, pois tiveram tempo suficiente e não levaram nada dos nossos presentes do chá, ou algo de maior valor.
Como moramos no térreo, já prevíamos colocar grades nas janelas, mas era plano para 2015, infelizmente e felizmente já estamos providenciando esta pendencia ainda essa semana. Queremos colocar o sensor de porta/janela e inicialmente uma câmera diretamente para nossa porta, porém somente após as grades. As fechaduras foram trocadas novamente e tudo isso consome um dinheiro enorme do orçamento, mas se é para ficarmos em segurança, assim tem que ser.
Por enquanto estamos na casa dos nossos pais novamente, pois aquele sentimento invasivo nos consome muito. Parece que nada mais ali dentro tem valor significativo e emocional diante do que aconteceu, o fato de terem mexido em tudo, até nas nossas roupas intimas, isso tem nos incomodado demais. Ainda mais saber que a pessoa que entrou no apartamento está por ali, pois temos certeza que isso é coisa de morador indelinquente!

Agora é seguir em frente, sonho de ter nossa casinha não acabou, e isso é somente uma fase que vai passar e vamos olhar pra trás depois e ver tudo que construímos.

Abraços!

Anúncios